Notícias

HomeNotíciasHomeReleasesSanta Casa de Itapeva economizará R$ 200 mil por ano com energia fotovoltaica

Santa Casa de Itapeva economizará R$ 200 mil por ano com energia fotovoltaica

Santa Casa de Itapeva economizará R$ 200 mil por ano com energia fotovoltaica

Hospital participa do Programa Eficiência da Elektro, em parceria com a VA Engenharia, que possibilitou a instalação um sistema solar fotovoltaico e irá proporcionar economia na conta de luz, além de modernizar o sistema de iluminação com sustentabilidade ambiental

A Santa Casa de Itapeva participou de chamada pública e foi contemplada com o Programa Eficiência Energética da Neoenergia, por meio da distribuidora Elektro e projeto da VA Engenharia.
Eficiência Energética é a obtenção de um serviço com o menor dispêndio de energia elétrica. Conforme determina a legislação específica, em particular a Lei nº 9.991, de 24 de julho de 2000, as empresas concessionárias de distribuição de energia elétrica devem aplicar um percentual mínimo da receita operacional líquida (ROL) em Programas de Eficiência Energética (PEE), segundo regulamentos da Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL.

Foram instaladas na Santa Casa diversas placas para geração de energia. A energia solar fotovoltaica é a energia obtida através da conversão direta da luz em eletricidade por meio do efeito fotovoltaico. A célula fotovoltaica, um dispositivo fabricado com material semicondutor, é a unidade fundamental desse processo de conversão.
A potência da usina fotovoltaica da Santa Casa é de 340,77 kwp. Para se ter uma ideia, uma residência consome em média 1,83 MWh/ano de energia elétrica. Essa instalação fotovoltaica instalada no hospital é equivalente ao abastecimento de 129 residências/ano. Para o Hospital, o equivalente a uma média de R$ 200 mil/ano de economia na conta de luz.

“Hoje a Santa Casa gasta aproximadamente R$ 90 mil/mês de energia. Com essas placas fotovoltaicas que já estão instaladas teremos uma redução significativa no nosso consumo, o que será convertido em benefícios para a Instituição, pois o valor gasto com a energia poderá ser aplicado em outras melhorias importantes para a nossa assistência hospitalar”, disse Aristeu de Almeida Camargo Filho, superintendente da Santa Casa de Itapeva.