Notícias

HomeNotíciasHomeReleasesSANTA CASA DE ITAPEVA PARTICIPA DO PROADI

SANTA CASA DE ITAPEVA PARTICIPA DO PROADI

SANTA CASA DE ITAPEVA PARTICIPA DO PROADI

PROGRAMA BUSCA IMPLANTAR MELHORIAS NO SUS POR MEIO TRANSFERÊNCIA DE EXPERTISE ENTRE HOSPITAIS

Para contribuir com o aperfeiçoamento do SUS, o Ministério da Saúde lançou, em 2008, o PROADI-SUS (Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde), um programa inovador pelo qual instituições hospitalares, sem fins lucrativos, passaram a desenvolver projetos utilizando as suas competências para qualificar e desenvolver o SUS em todo o Brasil.

A Santa Casa de Itapeva está participando pela segunda vez do PROADI-SUS, denominado “Saúde em Nossas Mãos: Melhorando a Segurança do Paciente em Larga Escala no Brasil”, que visa a transferência de expertise entre hospitais, que compartilham cases de projetos de educação, pesquisa, avaliação de tecnologias, gestão e assistência especializada voltados ao fortalecimento e à qualificação do SUS em todo o Brasil.

Participam do PROADI-SUS seis instituições certificadas pelo Ministério da Saúde, como Entidades Beneficentes de Assistência Social na Área da Saúde (CEBAS): Hospital Alemão Oswaldo Cruz; Hcor; Hospital Israelita Albert Einstein; Hospital Moinhos de Vento; Hospital Sírio-Libanês; BP – A Beneficência Portuguesa de São Paulo.

Na Santa Casa de Itapeva o PROADI está acompanhando a gestão da Unidade de Terapia Intensiva – UTI Adulto, por meio de uma equipe de profissionais da Beneficência Portuguesa (BP). A proposta é implementar e/ou aprimorar o desempenho na Segurança do Paciente por meio da aplicação de diretrizes de práticas seguras para prevenção de infecção primária da corrente sanguínea associada ao uso de cateter venoso central (IPCS-CVC), infecção em trato urinário associado ao uso de cateter vesical de demora (ITU-AC), pneumonia associada à ventilação mecânica (PAV) e da higienização das mãos. Para isso, a equipe da UTI é acompanhada, instruída e treinada pela equipe da BP, que analisa dados e indicadores, propondo soluções de melhoria.

Para o superintendente da Santa Casa, Aristeu de Almeida Camargo Filho, participar de um programa desse nível é de grande importância para o Hospital. “No PROADI contatamos com o conhecimento de profissionais de grande conhecimento e experiência. É uma oportunidade para que a nossa equipe aprenda e se aperfeiçoe com os protocolos já testados e aprovados nos melhores hospitais do país”, conclui.